A questão do território no nosso cotidiano

Há algum tempo eu vendo refletindo sobre a questão territorial nas relações interpessoais. Por estar estudando território, associado as dinâmicas da globalização e a atuação de governos subnacionais (municípios e estados) no cenário internacional, me admira o constante papel do mesmo na formação pessoal e cultural das pessoas, além da sua reflexão no desenvolvimento local.

Duas situações cotidianas me levaram a pensar sobre território:
1. De onde você é? (escala nacional: Brasil)
Geralmente quando vamos para outra cidade/estado, sempre ouvimos ou perguntamos isso. Por que? Porque a formação identitária de um indivíduo está relacionada com as características locais territoriais: cultura, fala, muitas vezes a forma como pensar. É bem interessante a importância de alguém saber de onde você é e como aquilo tem um peso na formação das relações sociais e das percepções das pessoas.
2. Where are you from? (escala mundial: Ruanda e adjacências)
Vendo as mensagens que eu recebo na Fan Page do My Ruanda, vejo o quão importante se torna perguntar de onde eu falo, ou seja, o que vai me caracterizar. Relacionado com o primeiro ponto, em escala mundial somos representados (e, na maioria das vezes, nos identificamos) pelo território que viemos. Isso me faz pensar nos textos que li sobre o declínio do Estado-nação e a discussão incipiente sobre a questão territorial. Mas sim, deveria ser discutido mais (especialmente na área das Relações Internacionais) sobre o papel do território, especialmente nas discussões teóricas.

Depois que me enveredei nas referências bibliográficas nessa temática, acho fascinante a interação entre a escala local e global, além de suas implicações para a escala local. Estou lendo textos sobre desenvolvimento local e esse tema está diretamente ligado à questão territorial, reafirmando a importância do estudo da escala local para a compreensão das dinâmicas territoriais na era da Globalização.

O que vocês acham sobre isso? Já tinham parado para refletir sobre o peso do “da onde você veio”? 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s